• Categorias

  • Arquivos

  • Agenda

    janeiro 2010
    D S T Q Q S S
    « dez   fev »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
    31  

Análise: Max Payne (PC)

Era uma sexta-feira tenebrosa, uma noite interminável mais fria que o coração do Diabo. O blog estava deserto… Surge um vídeo diante dos meus olhos… Saco a minha beretta, puxo o seu gatilho e aperto play…

Ficha Básica
Produtora:
Remedy Ent.
Ano: 2001
Gênero: Ação
Jogadores: 1 jogador
Censura: 18 anos

———
– Todas
as cenas do jogo são marca registrada de seus proprietários.

Photobucket

7 Respostas

  1. Demaisssssss, um dos melhores jogos que joguei…foi um dos poucos jogos que me transportaram pra o ambiente, na verdade foi o primeiro jogo que tem essas narrativas envolventes que joguei…

    Aquele efeito slow motion foi revolucionário tbm…ótima análise Fly.

    Marcou demais esse jogo…

  2. Flyfish, essa foi uma das melhores análises que você já fez, muito boa mesmo!

    “Nada é clichê quando é com você que acontece” – grande máxima hehhe

  3. Excelente análise!
    Deu vontade de jogar, pena que não roda do vista p/ cima…😦

  4. Seu Herege colocou a versão dublada. Te odeio.

    Bom a Analise foi f… tb sou fã do game, inclusive foi um dos poucos que fiz questão de jogar assim que foi lançado.

    Realmente um jogo obra de arte, julgando todos os fatores de um jogo, como historia, jogabilidade, desafio, gráficos e etc. Também não teria como ser diferente pois 3 Games Houses fodonas estavam envolvidas nesse projeto a Remedy, 3D Realms e a RockStar

    Bom o 1 tá ai analisado, muito bom o 2 gosto mas não tanto e o 3 ainda não conheço.

    Cara vc citou uma parada na analise que me encucou por muito tempo, mas apesar de n ter feito nenhuma pesquisa sobre isso, cheguei a conclusão na epoca que o multiplayer não poderia ser feito por causa do bullet time.

    Acho que na epoca eles não desenvolveram um sistema fodasso que pudesse suportar multiplos bullet times e continuar deixando o jogo sincronizado pra todos os jogadores.

    Uma curiosidade do primeiro jogo.

    O cara que escreveu o jogo Max Payne serviu de modelo pro personagem, muito legal isso. Tem uma foto dele na wikipedia se alguem quiser ver🙂.

    flw

  5. É bem isso que o Rapha falou mesmo. O jogo consegue te “transportar” para o ambiente.. Você se sente o próprio Max Payne.

    Valeu os elogios, pessoas… Eu gosto muito desse jogo e já tava planejando fazer uma análise dele há um bom tempo, ainda bem que ficou boa. A gravação original tava com 11 minutos hahaha… Acabei deletando várias coisas.

    Eu ainda comentava sobre aqueles prólogos do jogo em que o Max Payne tá drogado, aí fica tendo umas alucinações… Da primeira vez achei aquilo assustador, na segunda já comecei a achar aquilo chato pra cacete… rs

    @Tarta: De fato… A versão dublada em português tem uma qualidade meio inferior mesmo. A voz original do Max Payne é muito mais sinistra, como de vários outros personagens (o Jack Lupino “brasileiro” pareceu m idiota)… Mas o meu inglês é meio enferrujado e a linguagem do jogo é meio avançada, então eu me perco fácil na narrativa dos quadrinhos… Se tivesse um patch pra jogar com o jogo com legendas em português, seria o ideal.

  6. cool =D

  7. aiinda bem q o jogoé melhor q aquele filme de merda…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: